• Elisa Lempek

Aceitar o ponto de vista do outro


Um mito muito comum sobre casais com bons níveis de satisfação no seu relacionamento é a crença de que esses casais não têm problemas ou que conseguem resolver todos os seus problemas.


Conhece algum? Eu não!


A verdade é que todos os relacionamentos têm problemas e para tornar o assunto ainda mais complexo, alguns problemas costumam ter soluções, e outros não!


Problemas que têm solução podem ser resolvidos através de acordos, negociações…


Por outro lado, problemas sem solução, solucionado está!


Problemas sem solução costumam ser problemas relacionados às diferenças de personalidade entre os parceiros: Um é mais extrovertido, o outro mais introvertido; ou podem ter relação com a diferença das necessidades de cada um: Ela gosta de dormir até mais tarde, ele gosta de acordar cedo; ele gosta de jogar futebol nos sábados à tarde, ela gosta de companhia para assistir sua série preferida.


A diferença entre casais satisfeitos e insatisfeitos em seu relacionamento é que os primeiros conseguem distinguir a diferença entre os problemas que têm solução daqueles que não tem solução, lidando com eles de forma mais construtiva. Esses casais costumam criar uma oportunidade de aceitação do ponto de vista do outro ao invés de permanecerem no impasse, quando o problema não tem solução. O impasse, a tentativa de mudar o ponto de vista do outro ou, pior ainda, de mudar o outro, conduz a relação a um desgaste, aumentando a frustração, decepção e intolerância, causando sofrimento a ambos. Casais que conseguem sair do impasse têm como principal objetivo ficar em paz em relação ao problema, e não necessariamente resolvê-lo, entende? E fazem isso de forma afetiva, respeitosa, através da empatia e também da compaixão.


Com carinho,

Elisa Lempek

28 visualizações

© 2018 por @lsdesignepapelaria

Seguir

  • Instagram ícone social